Alfabetizar é ir além de ler e escrever!

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Ultimas Atualizações
Sequências Didáticas  (25-08-2016)
Gêneros Textuais  (18-08-2015)
Experiências Exitosas  (18-08-2015)
Galeria de Fotos  (18-08-2015)
Educação Física  (18-08-2015)
Enquete
O que mais lhe interessa no site?
Jogos
Atividades Lúdicas
Planos de Aula
Textos
Artigos
Galeria de fotos
Atividades de Ensino
Atividades de Avaliação
Ver Resultados

Rating: 2.7/5 (495 votos)




ONLINE
7




Partilhe este Site...


criar banner


Atividades de Ensino-2014 atualizadas!
Atividades de Ensino-2014 atualizadas!

 

CADERNOS PEDAGÓGICOS

Confira aqui os cadernos pedagógicos criados pela rede municipal de Rio de Janeiro. O material é muito bom!

Cadernos Pedagógicos 2014  

Caderno Pedagógico da Alfabetização - 1º Ano 

Caderno Pedagógico da Alfabetização - 2º Ano 

Caderno Pedagógico da Alfabetização - 3º Ano  

Cadernos Pedagógicos Ciências - 1º Bimestre 

Caderno Pedagógico Ciências - 4º Ano 

Caderno Pedagógico Ciências - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Matemática - 1º Bimestre

Caderno Pedagógico Matemática - 4º Ano

Caderno Pedagógico Matemática - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Língua Portuguesa - 1º Bimestre

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 4º Ano

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 5º Ano 

Cadernos Pedagógicos Casa da Alfabetização - 4º Bimestre 

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 1º ano 

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 2º ano 

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 3° ano 

Cadernos Pedagógicos Ciências - 4º Bimestre 

Caderno Pedagógico CIências - 4º Ano 

Caderno Pedagógico Ciências - 5º Ano   

Cadernos Pedagógicos Língua Portuguesa - 4º Bimestre 

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 4º Ano 

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 5º Ano 

Cadernos Pedagógicos Matemática - 4° Bimestre 

Caderno Pedagógico Matemática - 4° Ano 

Caderno Pedagógico Matemática - 5º Ano  

Cadernos Pedagógicos Nenhuma Criança a Menos - 4º Bimestre 

Caderno Pedagógico Nenhuma Criança a Menos Língua Portuguesa - 4º Ano 

Caderno Pedagógico Nenhuma Criança a Menos Matemática - 4º Ano

Cadernos Pedagógicos Casa da Alfabetização - 3º Bimestre

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 1º ano

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 2º ano

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 3º ano

Cadernos Pedagógicos Ciências - 3º Bimestre

Caderno Pedagógico Ciências - 4º Ano

Caderno Pedagógico Ciências - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Língua Portuguesa - 3º Bimestre

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 4º Ano

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Matemática - 3º Bimestre

Caderno Pedagógico Matemática - 4º Ano

Caderno Pedagógico Matemática - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Nenhuma Criança a Menos - 3º Bimestre

Caderno Pedagógico Nenhuma Criança a Menos Língua Portuguesa - 4º Ano

Caderno Pedagógico Nenhuma Criança a Menos Matemática - 4º Ano

Caderno Pedagógico Nenhuma Criança a Menos - Reforço Escolar  

Cadernos Pedagógicos Casa da Alfabetização - 2º Bimestre

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 1º ano

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 2º ano

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 3º ano 

Cadernos Pedagógicos Ciências - 2º Bimestre

Caderno Pedagógico Ciências - 4º Ano

Caderno Pedagógico Ciências - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Língua Portuguesa - 2º Bimestre

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 4º Ano

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Matemática - 2º Bimestre

Caderno Pedagógico Matemática - 4º Ano

Caderno Pedagógico Matemática - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Nenhuma Criança a Menos - 2º Bimestre

Caderno Pedagógico Nenhuma Criança a Menos Língua Portuguesa - 4º Ano

Caderno Pedagógico Nenhuma Criança a Menos Matemática - 4º Ano

Cadernos Pedagógicos Língua Portuguesa - 1º Bimestre

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 4º Ano

Caderno Pedagógico Língua Portuguesa - 5º Ano 

Cadernos Pedagógicos Casa da Alfabetização - 1º Bimestre

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 1º ano

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 2º ano

Caderno Pedagógico Casa da Alfabetização - 3º ano

Cadernos Pedagógicos Ciências - 1º Bimestre

Caderno Pedagógico Ciências - 4º Ano

Caderno Pedagógico Ciências - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Matemática - 1º Bimestre

Caderno Pedagógico Matemática - 4º Ano

Caderno Pedagógico Matemática - 5º Ano

Cadernos Pedagógicos Nenhuma Criança a Menos - 1º Bimestre

Caderno Pedagógico Nenhuma Criança a Menos Língua Portuguesa - 4º Ano

Caderno Pedagógico Nenhuma Criança a Menos Matemática - 4º Ano

 

Caderno Reforço Escolar - 1º Bimestre

Caderno 1 Reforço Escolar - 2º e 3º Anos

Caderno 2 Reforço Escolar - 2º e 3º Anos

 

ATIVIDADE : O PAPAGAIO ESPECIAL

1 - Texto "O Papagaio Especial" - CLIQUE AQUI PARA BAIXAR

2 -Trabalho com Habilidades "O Papagaio Especial" - CLIQUE AQUI PARA BAIXAR

3 - Fichas de Correções - CLIQUE AQUI PARA BAIXAR -Novo!

 

 

 

 

 

 

 as leituras e que possam oferecer dificuldades quanto ao emprego de ss, x , sc, ç e outros. Os alunos digitam e corrigem, com ajuda do professor e de dicionários, observando o texto original.

3. Pesquisa e cópias de palavras nas revistas que possam oferecer dificuldades ortográficas (uso do x, ss, sc , ç).
4. Busca de textos na internet sobre os assuntos estudados. A seguir, fazer a leitura dos mesmos e copiar algumas palavras que apresentam dificuldades ortográficas.
6- Palavra cruzadas.
7- Jogos da internet (caça-palavras).

ATIVIDADES DE ENSINO PARA BAIXAR

 

1- Atividades de Língua Portuguesa - Baixar

2-Atividades de ortografia - Baixar

3-Atividades de interpretações de textos - Baixar

4-Atividades de Produção de Textos - Baixar

5-Parlenda "A casinha da vovó com atividades  - Clique aqui para baixar

 

Sugestões de Atividades para Correção Erros Ortográficos

 
clip_image001
Os erros podem ser identificados pelo tipo de palavras: regulares e irregulares 
Morais (1998) propõe uma distinção entre as palavras regulares e irregulares, considerando as regulares como passíveis de compreensão das regras subjacentes à sua ortografia, enquanto os irregulares seriam aquelas que dependeriam da memorização para a sua escrita correta. 
Os erros ortográficos de palavras irregularesdevem ser corrigidos nas séries iniciais do Ensino Fundamental (alfabetização) pela memorização contextualizada (dentro de um texto), nunca decorar listas de palavras; á partir das séries finais, a etimologia das palavras, inserindo o conhecimento de outras línguas das quais se originam já devem ser introduzidas.
Quanto à correção dos erros ortográficos de palavras regulares, é recomendável que o professor faça um mapa dos erros de cada aluno, antes de planejar o ensino da grafia correta, para que a ações pedagógicas alcances os objetivos nos planejamentos, e para esse mapa é importante assinalar como são discriminados os erros, e acompanhar a necessidade e o desenvolvimento de cada aluno e de toda a turma. 
O mesmo autor considera a existência de três tipos de relações de regularidade ortográfica: clip_image002
  1. Regularidades diretas, nas quais cada letra corresponde a apenas um som e vice-versa, independente de sua posição na palavra, o que implica numa regularidade absoluta entre letra e som, como é o caso, no português brasileiro, das letras: p, b, t, d, f, v;
  2. Regularidades contextuais, nas quais é possível antecipar a escrita correta levando-se em consideração a posição que determinada letra ocupa na palavra ou as letras vizinhas. Por exemplo, a nasalização da vogal que vier antes das letras p e b devem ser obtidas pelo uso da letra m, como em pomba e tampa, enquanto a letra n deve ser usada no restante dos casos, como em canto evocando; por fim, as.
  3. Regularidades morfológico-gramaticaissão aquelas em que é necessário recorrer à gramática e, em particular, à morfologia, para obter a grafia correta de uma palavra. Por exemplo, a escolha entre o sufixo eza ou esa vai depender da categoria gramatical e de aspectos morfológicos da palavra em questão: caso seja um adjetivo pátrio, será escrita com a letra s(chinesa, portuguesa), mas, se for um substantivo derivado de adjetivo, a palavra deverá ser escrita com a letra z (realeza, beleza).
REGULARES DIRETOS –           ERROS MORFOLÓGICOS 
                                                                     GRAMATICAIS
Aluno P/B T/D F/V S/Z S/C/SS
Andressa          
Carlos          
Diana               X          X
Fernando          
Jefferson          X          X            X
                                     ERROS REGULARES CONTEXTUAIS
Aluno S/SS R/RR QU L/U M/N NH/LH/CH O/U E/I M/N/NH/ÃO
Cleide          X             x      
Flávio                  x       X    
Geovana                  
Hebert                  
Matheus        X           X          X        X           X
Pedro            X             X        X    
As sugestões de planejar atividades para a grafia correta após o mapa de cada aluno e no total da turma pode-se iniciar a critério do professor. Melhor que se comece pelos erros comuns á maioria dos alunos levando em conta qual a proposta da escola para série/ano. Ainda assim veja as sugestões de atividades: 
Sempre trabalhando com textos: Leitura e Escrita 
Contos recontos – escrita/reescrita (textos prontos – impressos / livro didático / literatura infanto/juvenil, parlendas, poemas, músicas, gêneros literários variados como crônicas, piadas…) – trabalhando autocorreção, consulta ao dicionário, correção coletiva (em casos de produções coletivas) correções individuais. 
Sugestão de atividade através de um texto impresso (quando o professor quer trabalhar: NH/ÃO/N/M 
Leitura – reprodução (Música) – transposição de verso em prosa (trabalhando aspectos textuais: parágrafo, pontuação…). 
1º Passo – Texto individual impresso 
São Francisco 
                                 Vinicius de Morais 
Lá vai São Francisco 
Pelo caminhoclip_image003 
De pé descalço tão pobrezinho 
Dormindo à noite 
Junto ao moinho 
Bebendo a água 
Do ribeirinho. 
Lá vai são Francisco 
De pé no chão 
Levando nada no seu surrão 
Dizendo ao vento 
Bom dia, amigo. 
Dizendo ao fogo 
Saúde irmão. 
(Arca de Noé – Rio de Janeiro – José Olímpio

2- O professor após fazer uma breve história sobre o personagem 
  • Solicita aos alunos que façam leitura silenciosa;
  • Leitura oral coletiva;
  • Vocabulário (palavras desconhecidas);
  • Solicita a definição deste texto – poesia? (texto em versos - poético) -ou prosa (texto narrativo, dissertativo); lembrar as diferenças textuais de cada um;
  • Interpretação oral (professor faz perguntas e os alunos respondem de acordo com o texto lido).
– Transcrição para prosa (texto narrativo: conto). Se for a primeira vez que os alunos vão realizar essa transcrição da estrutura do texto, o professor deverá fazer primeiro ou junto com os alunos na lousa, caso contrário cada um fará no seu caderno. Em qualquer situação o texto, agora em forma de conto, será transcrito no caderno. 
4- Reconto – o professor solicita aos alunos que façam o reconto (produzir um conto baseado na história que foi lida, usando as palavras que estarão no banco de dados fixado na lousa): 
BANCO DE PALAVRAS 
clip_image004 
*mesmo que o professor considere um trabalho demorado, é um trabalho que deve ser rotineiro em vários conteúdos de língua portuguesa e que dá excelentes resultados. 
5- Leitura do reconto (deixar livre para que quiser ler em voz alta para a turma). 
Solicitar a autocorreção através do banco de palavras; após a autocorreção solicitar que cada aluno indique quantas e quais palavras erraram (mesmo consultando o Banco de Palavras os alunos transcrevem errado), o professor vai trabalhar cada palavra que está no Banco e explicar as regras de cada “dificuldade” (erros ortográficos): 
como exemplo: a nalização com o uso do: 
N/M: Francisco, bom, junto, vento, levando, junto… 
ÃO – São, chão, surrão, irmão pode, aqui, surgir a dúvida do ÃO ou AM -Subsídio para o professor: 
A pronúncia é feita como se houvesse um acento gráfico na penúltima sílaba, que é a sílaba tônica, a mais forte: quando se usam: 
AM: cantam, rasgam, lavam 
Nas palavras com ÃO - palavras terminadas em "ão", em sua maioria, são oxítonas: (e se assim não o forem, receberão uma acentuação adequada:
órgão, órfão, acórdão, sótão, bênção... porque aí elas são paroxítonas). 

NH – são duas letras que representam um mesmo som. 
6 - Ilustração - 
7 – Cantar (se o professor não conhecer a melodia leve o CD de áudio e surpreenda os alunos com o texto que no final, é uma música, eles vão curtir). 
Outras variações – 
  • Ditado das palavras contextualizadas, correção, uso do dicionário, formação de frases com as palavras do ditado.
  • Produção de texto coletivo – correção coletiva – propor que as crianças expliquem porque cada palavra tem a grafia correta (ensinada pelo professor) deixando que ela com suas palavras criem as regras de acordo com o entendimento que tiveram. Anotem as regras no caderno.
  • Bingo de imagens (que contenha as palavras que os alunos estão encontrando dificuldades na grafia) –
  • Palavras Cruzadas, Caça – palavras (sempre com palavras que necessitam da grafia correta e que estejam contextualizadas na leitura, na produção de texto.
bf
  • Contos de Fadas: o professor lê, os alunos fazem o reconto, correção consultando o livro de histórias – é preciso que o professor tenha no mínimo 4 edições iguais –para pesquisa em clip_image005grupos (onde eles vão pesquisar a grafia correta), depois – reescrita do texto;
  • Placas, letreiros, avisos que contem erros ortográficos, na comunidade (pesquisa dos alunos que trarão para a sala de aula e farão a correção ortográfica – esta atividade vai despertar o interesse pelas grafias corretas- leitura).
  • Leitura, muita leitura;
Estas atividades podem e devem ser usadas desde que as palavras estejam contextualizadas. 
  


    clip_image006     clip_image007
Por estas sugestões, o professor pode usar sua criatividade e desenvolver novas atividades de acordo com seu planejamento. No caso de alunos com dificuldades em outros grupos de dificuldades, diferente do grupo que o professor planejou para a maioria da turma, ele deve dispor de atividade diversificada. 
Não esquecendo que o mapa inicial é a base, e guardar os textos produzidos são o norte do desenvolvimento e avanço, inclusive avaliação. 
Erros de ortografia tem que ser trabalhados pelos grupos, o que não pode acontecer é, no final do ano, reprovar um aluno porque “escreve muito errado”. 
Por: 
Júlia Virginia de Moura- Pedagoga 
Fonte de Pesquisa: 
Morais, Artur Gomes de. Ortografia: ensinar e aprender. Editora Ática, 1998, 128 p 
Gramática Didática da Língua Portuguesa – Hermínio Sargentim –IBEP 
Língua Portuguesa – Solução para dez desafios do professor – Rana e Augusto – Edit. Ática 
 
FONTE: http://soatividadesparasaladeaula.blogspot.com.br
 

Jogos na Psicogênese – Uma Proposta de Interferência em cada Nível–atividades lúdicas

 
“O desenhar e brincar deveriam ser estágios preparatórios ao desenvolvimento da linguagem escrita das crianças. Os educadores devem organizar todas essas ações e todo o complexo processo de transição de um tipo de linguagem escrita para outro. Devem acompanhar esse processo através de seus momentos críticos até o ponto da descoberta de
que se pode desenhar não somente objetos, mas também a fala.” (Vygotsky, 1987, p.134).
Jogos na Psicogênese – Uma Proposta de Interferência em cada Nível- em formação continuada aos professores da CREP- Planaltina-DF, bastante concorrida na procura de diversificação das práticas pedagógicas, foi realizada pela  pela Especialista em Educação e Psicopedagogia Márcia Aparecida Vieira-SEE/DF .
DurDSC02309ante a Oficina, a Professora Márcia Aparecida, fez uma demonstração dos diversos jogos que podem ser usados nos níveis da psicogênese, com objetivos definidos não só do avanço nas hipóteses, como oportunizar, através do lúdico, vários momentos ao aluno de repensar sua escrita. Os jogos , de acordo com a professora e psicopedagoga, são ferramentas pedagógicas que mais possibilidades oferecem aos alunos em construir o conhecimento, principalmente na aquisição da escrita e da leitura, pois são significativos, divertidos, levando-se em conta que vários aspectos do desenvolvimento da psicomotricidade e do  comportamento social são alcançados: atenção, concentração, coordenação motora, lateralidade, estrutura espacial assim como regras, limites, e valores.

Nível Pré-Silábico
DSC02323      DSC02324
Neste nível da Psicogênese um dos jogos mais importantes,
(ou qualquer outro similar) é trabalhar com os sons da letras. Sons Iniciais e Sons Finais. Através destes jogos ou de atividades em que se usa miniaturas, imagens… o aluno vai construir o conhecimento de que na escrita há uma relação entre letra e som, entre grafema e fonema. È importante a percepção  fonológica na escrita, pois a aquisição deste conhecimento vai ser transposto na construção de novas palavras, e no avanço para outros níveis. Foi lembrado que nem todos os jogos devem ser comprados prontos, mas podem ser confeccionados pelo professor.
 
Nível Silábico
DSC02325 
A sonoridade das letras é um jogo que pode seguir os níveis pré-silábico, silábico e silábico/alfabético. O professor ao trabalhar neste níveis, de acordo com a professora Márcia, deve da muita ênfase na pronúncia das palavras, aproximando muito do “fônico”, trabalhando muito a postura do corpo, também. O jogo encaixe letras/figuras vai de forma lúdica levar o concreto para o abstrato, em que o aluno vai relacionar som/imagem, o que neste nível da psicogênese é importante para que o aluno avance na construção das hipóteses.
      DSC02310     DSC02321
No nível silábico/alfabético, recomenda-se os Jogos “Batalha de Palavras” e “Letra Letra”.Neste nível, os alunos necessitam perceber que as palavras tem um determinado número de letras. Da mesma forma que que ele, nesta hipótese já avançou na construção  do conhecimento da sonoridade, dos sons iniciais, sons finais, a descoberta de quantas letras ele vai usar na palavra que quer registrar, é fundamental para que possa passar ao nível alfabético, sem disparidades.
DSC02326        Nível Alfabético .

 Neste estágio, o aluno já compreendeu o sistema de escrita, entendendo que cada um dos caracteres da palavra corresponde a um valor sonoro menor do que a sílaba e também domina as convenções ortográficas.
Quando o aluno vem avançando nas hipóteses, através de jogos, de atividades escritas como produção de textos ( com rimas, parlendas, quadrinhas e etc.) reconto coletivo, autocorreção e  correção coletiva, no nível alfabético ele vai brincar com mais autonomia com letras e palavras. E a sugestão de jogos para este nível: Troca Letras ( quando vai construir, destruir e reconstruir novas palavras através de  novas descobertas);
É o momento em que vai surgir a aglutinação de palavras, por exemplo: ogatocomeuorato. E uma atividade excelente para que o aluno desenvolva a escrita correta, além dos ditados de frases, ou palavras e  muita leitura(textos de pequena ), uma sugestão excelente de atividade , é atividade escrita o impresso e ilustrado),   em que todo o texto vem com as palavras aglutinação, o professor faz a leitura, depois lê com  os alunos e  depois da descoberta de que as palavras estão grudadas, ( O professor faz as duas leituras: pausada e aglutinada), os alunos vão separar as palavras como no modelo:
   DSC02320
Desenvolvendo a leitura e a escrita, produções, recontos, através de pequenos textos ilustrados(imagens, fotos, gravuras que sejam significativas de acordo com a vivência  ou do imaginário, e o conhecimento prévio dos alunos.

          DSC02328    DSC02329
Finalizando, a professora Márcia, falou da importância do lúdico na aprendizagem, e que os resultados de sucesso da alfabetização tem na ludicidade  uma ferramenta , que a princípio pode parecer que demanda muito trabalh0 por parte do professor, mas que se ele desde o início, adota esta prática com sua turma as dificuldades em coordenar as atividades vão fazendo parte, naturalmente, da rotina da sala de aula.
Esta foi uma das oficinas que participei e que com certeza trouxe uma prática diversificada não só para a alfabetização em si, mas  especificamente na avaliação não só dos alunos, mas na própria avaliação do trabalho do professor, quando pode-se questionar se suas ações pedagógicas estão avançando ou não e como fazê-las avançar, além da base que os níveis da psicogênese dá ao planejamento ao professor.
Por: Júlia Virginia de Moura – Pedagoga
 
FONTE:http://soatividadesparasaladeaula.blogspot.com.br  
 
 
 CONSCIÊNCIA FONOLÓGICA
 
Atividades Consciência Fonológica - BAIXAR
GÊNEROS TEXTUAIS
 
Apostila de Gêneros Textuais  - BAIXAR
 
QUADRINHAS
Sugestão de Trabalho com Quadrinhas - BAIXAR
 
ATIVIDADES PARA TRABALHAR HABILIDADES DO PROALFA E PROEB
Sugestões de  atividades para trabalhar habilidades do PROALFA e PROEB- LÍNGUA PORTUGUESA- BAIXAR
ATIVIDADES PARA TRABALHAR HABILIDADES DO PROALFA E PROEB
Sugestões de atividades para trabalhar habilidades do PROEB - MATEMÁTICA
1ª parte - BAIXAR
2ª parte - BAIXAR
3ª parte - BAIXAR 
 
 
 
 
 
 


 

 

 perfil 

Meu nome é Waldinéa Alves Farias Rocha, tenho 35 anos, estou na educação desde 1998, atualmente sou Analista Educacional,mestranda em Gestão e Avaliação da Educação Pública pela UFJF e faço parte do quadro efetivo da SRE de Janaúba/MG. Nascida em Mato Verde/MG e residente na cidade de Janaúba/MG. Casada e mãe de 03 (três) filhos, procuro administrar meu tempo entre o trabalho que amo, a manutenção deste site e a dedicação primordial de minha linda família.



criar banner

topo